Parede Branca: Venda + Dois capítulos disponíveis

Oh YEAH! “A parede branca do meu quarto” já pode ser comprado pelo site da Thesaurus Editora. Adquirindo por lá, você garante 20% de desconto. O envio começa na terça-feira da semana que vem (29/09).

FullSizeRender-3

Notaram também que no pé da página dá pra baixar um PDF? Pois é, são os dois primeiros capítulos do livro. Baixando-o, você será apresentado à Mariana Vilar, a protagonista. Adianto: talvez não vá gostar tanto dela no início (personalidade forte, meio arrogante…). Porém, esse mesmo jeitinho “fofo” pode se tornar engraçado ao longo da história. Nas 19 páginas, vários dos personagens que caminharão ao lado da “Lunática do PAS” aparecem. Ah! E o motivo da Mariana ter virado a “Lunática do PAS” é explicado também.

Vai me dizer que não aticei nenhum pouquinho a sua curiosidade?

PS: Assim que atualizei o blog, percebi que era uma postagem especial!!!
unnamed

Parede Branca: #booktourdaparede

Na semana passada, cinco exemplares do “Parede Branca” começaram a circular por Brasília. Eles passarão pelas mãos de vinte e cinco meninas daqui de Brasília. E, assim, já estamos no meio do #booktourdaparede.

11951180_1670765739804544_7440100378581809559_n
A entrega de alguns livros
11990683_1669603996587385_1236271646803664810_n
Cada livro vem com uma cartinha

Um Book Tour consiste em uma “turnê” de um livro. O legal é que podemos “rabiscar” e comentar nas páginas. Acaba virando uma experiência sinestésica porque você interage indiretamente com os leitores que participaram antes. Às vezes eles te apontam pedaços que não te chamam atenção. Outras, te fazem rir com alguma observação sobre determinada parte. É bem bacana. Quando participei, li “A Culpa é das Estrelas” do John Green. Eu tenho algumas ressalvas quanto a história, mas gostei tanto da vivência que acabei comprando o livro depois.

E foi pensando nisso que resolvi proporcionar o mesmo para outras meninas. Geralmente, os organizadores de Book Tours disponibilizam uma lista para que as pessoas possam se inscrever e colocar os seus dados. Sim, os dados são necessários porque o livro acaba andando por todo o Brasil via Correios. Só que, no caso do #booktourdaparede, essa segunda parte não será necessária; ele será feito entre amigas.

Ao final da leitura, peço que todas postem fotos criativas com o livro no Instagram. É a garantia que, no dia do lançamento do livro (21/10), elas ganhem um exemplar para chamarem de seus. Os comentários da experiência estão sendo postados nas conta do Instagram @aparedebrancadomeuquarto. Corre lá para ver!

Vídeo: “Passos importantes para publicar o seu livro”

Então, hoje na minha página inicial do Youtube apareceu este vídeo:

 

A Babi Dewet e o Brício mantém um canal super bacana sobre cultura pop (e k-pop). Aliás, eu até já falei da Babi antes. Há uns dois anos, tive a oportunidade de conhece-la (e ter meu livro de “Sábado à Noite” autografado). Na moral, ela tem meu respeito. Vê-la no auditório da Cultura falando sobre o processo de criação do livro dela e depois sendo super atenciosa com os fãs me fez pensar que “é assim que quero ser também”.

Enfim, achei o conteúdo do vídeo super válido e bem apresentado. Alguns passos já sabia, outros foram novidade. Tem tudo a ver com o blog e a aspiração de ser escritor(a). 

Sarau: Menino de 6 anos escreve livro e junta $200mil para ajudar amigo doente

Li a notícia abaixo no site Hypeness e, na mesma hora, soube que teria que posta-la aqui. O Sarau é para divulgar talentos, não é? Querem talento mais precioso do que escrever um livro para apoiar o amigo com uma doença rara? Ainda mais com seis anos de idade? Depois as pessoas dizem que o mundo está perdido…

Essa é mais uma história inspiradora, que nos faz lembrar que tudo é possível quando há um sonho. Dylan Siegel, de 6 anos, não conseguiu cruzar os braços ao saber que seu melhor amigo, Jonah Pournazarian, de 7 anos, estava lutando contra uma doença rara e grave, ainda sem cura conhecida.

 c1

Jonah foi diagnosticado com glicogenose, uma doença incurável que prejudica o armazenamento de glicogênio, fazendo com que o nível de açúcar no seu sangue caia frequentemente. Dylan então resolveu que iria arrecadar dinheiro para ajudar nas pesquisas sobre a doença, para que seu amigo tivesse uma chance.

O pai de Dylan sugeriu que ele fizesse uma barraquinha de limonada, mas Dylan teve uma ideia melhor – queria escrever um livro. Assim nasceu, o “Chocolate Bar“, uma obra de 16 páginas escrita e desenhada à mão, que vem com barras de chocolate. O livro começou a ser vendido na feira de livros da escola, mas a notícia se espalhou, e muitas pessoas quiseram comprá-lo, fazendo com que mais edições tivessem que ser produzidas. A notícia se espalhou pelo mundo e ”Chocolate Bar” conseguiu arrecadar $200 mil dólares. A quantia foi inteiramente doada para que centros de pesquisa consigam entender melhor essa doença rara, e então, encontrar uma cura ou tratamento para ela.

 

 

choc3

2

1

2

Mas Dylan não quer parar por aí – sua meta agora é chegar na quantia de 1 milhão de dólares. Alguém duvida?

4

com informações, NBCNews.

Sarau: Charme e Maki

Dois amigos precisam de apoio no Catarse. Tá, um já alcançou a meta necessária, mas vale a pena postar aqui e divulgar.

Charme

 É uma narrativa a partir das vivências de Agatha, pré-adolescente negra, de cabelos crespos e cheios, no momento em que vive a transição da infância para a adolescência, e experimenta o primeiro beijo em um colega de escola. Ao mesmo tempo, seu pai acaba de sair de casa, e a relação com sua mãe se torna difícil. Em meio a essas experiências, Agatha acaba refletindo sobre beleza, autoestima e relacionamentos, e suas expectativas e contradições.”

Link do Catarse: http://catarse.me/pt/curtacharme

A Natasha Belus é muito talentosa. Ela grava, edita e até canta. Ah, sim. E ela é minha amiga! Estudante de cinema na Unb, Charme será seu primeiro curta-metragem.

Maki

“Agora o grupo (LoboLimão) traz um projeto novo, MAKI, que conta três histórias interligadas: a de um inventor falido, a de um caçador de recompensas e a de um robô sonhador. E ainda tem ninjas, cowboys, barcos voadores, ciborgues, tortinhas de coco e um gato empresário.”

Link do Cartarse: http://catarse.me/pt/maki

O LoboLimão surgiu da parceria entre o Thiago “Yoshi” Yoshiharu e seus amigos. O site é dedicado ao trabalho deles e eles já lançaram um livro, o Last RPG Fantasy (que ganhou prêmio nacional e tudo mais). MAKI parece ser tão legal quanto!

obs.: Tentei postar os vídeos dos projetos, mas não consegui. =(